5 destinos que mostram as diversas facetas da Amazônia

Atualizado: 9 de ago.

Conheça quem está fazendo a diferença ao unir conservação, desenvolvimento sustentável e turismo.



A biodiversidade da maior floresta do mundo ainda desperta a curiosidade de muitos. A importância da Amazônia está na sua função de regulação do clima do planeta e manutenção de suas plantas e animais. Seu mistério acontece quando se tem o conhecimento da infinidade de espécies existentes e das que ainda não se sabem. Em média, são descobertas 01 por dia, de acordo com o Instituto Mamirauá e o WWF.


O aumento do interesse e participação da população mundial, em ações de consumo consciente e sustentabilidade, tem incentivado o turismo na região amazonense e sido um aliado para a sensibilização da conservação e preservação do bioma.


Por ser uma área sensível, nem sempre de fácil acesso, é imprescindível que o visitante contrate serviços especializados, que tenham o compromisso em reduzir os impactos ambientais, que podem ocorrer quando o turismo não é bem planejado.


Sua diversidade possibilita experiências sempre inovadoras. Momentos únicos e inesquecíveis para os visitantes, já que se encontram imersos na floresta amazônica e sua cultura ribeirinha, bem como, ao participar das atividades que aliam a ciência com o conhecimento local.


Uma amostra das facetas da Amazônia, está nesses 5 destinos:


1. Alter do Chão

A pequena vila de Santarém, no Pará, é conhecida por sua praia de água doce, quentinha e cristalina. Alter do Chão encanta com suas experiências de gastronomia local, manifestações culturais e folclóricas.

Conheça mais através do instagram @vivejarexperiencias.

Foto: Walter Fonseca

2. Amazon Emotions

Para quem quer se aproximar da vida selvagem em uma area mais remota, fora dos percursos mais conhecidos da floresta amazônica, sem abrir mão do conforto e segurança, a Amazon Emotions, uma das empresas credenciadas pelo ICMBio, oferece o Glamping - a combinação de glamour e camping.


Um acampamento com mais conforto e infraestrutura. Uma experiência desenhada para ser intimista. Conhecer a cultura local, seu saberes e sabores no seu próprio ritmo.

Conheça mais através do instagram @amazonemotions.


Foto: Divulgação/Amazon Emotions

3. Haliti Paresi

O potencial do turismo de base comunitária está na sensibilização a valorização e proteção de culturas tradicionais e originárias, contribuindo para a autonomia financeira dessas comunidades.


Os indígenas do povo Haliti-Paresi, das Terras Indígenas Utiariti e Rio Formoso (MT), onde vivem há milhares de anos, são os protagonistas que guiam os visitantes apresentando seu território e modos de vida.

Conheça mais através do instagram @garupa_ong.

Foto: Erik Lopes

4. Pico da Neblina

Uma experiência intensa, forte e complexa de trekking na Montanha Sagrada dos Yanomamis.


A montanha mais alta do Brasil, localizada na Serra do Imeri, recebe os visitantes através de atividades de ecoturismo geridas pelos Yanomamis.


Conhecida por ser um lugar onde se avista os voos de diversas espécies de aves da região amazonense.

Conheça mais através do instagram @ambiental_turismo e @roraimaadventures.

Foto: Divulgação/Jornalista Marcos Santos

5. Uakari Lodge

Nossas estruturas flutuantes não poderiam ficar de fora dessa lista. Na confluência do Rio Solimões e Japurá, a maior área alagada do mundo, foram construídas para o menor impacto ambiental sobre o meio natural, sem deixar de oferecer conforto aos seus hóspedes.


A Uakari Logde, administradas pelo Instituto Mamirauá e as comunidades da Reserva Mamirauá, é a primeira Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) implementada no Brasil, possuindo como propósito o incentivo e estudo de práticas de uso sustentável dos recursos.


As experiências estão vinculadas ao conhecimento local e científico. Passeios exclusivos para conhecer as histórias e modo de vida da região e a vida selvagem.

Conheça mais através do instagram @uakarilodge.